Um ritual…

Hoje tinha tudo para ser mais um dia como os últimos: morno… cinza… com horas a menos e preocupações a mais…

E eis que, de forma absolutamente inesperada, recebo uma CARTA

SIM! SIM! É isso mesmo! Recebi uma carta… dessas como antigamente: escrita à mão, com envelope e selos, recordam-se? E recordam o que nos fazia sentir receber uma carta de um amigo? Era um misto de antecipação, curiosidade e alegria… e ao mesmo tempo o sentimento reconfortante de sentir que somos suficientemente importantes, para alguém se ter dado ao trabalho de nos escrever

E foi TÃO a pérola certa, no momento certo! :) Continue reading